Simulador Minha Casa Minha Vida

O programa Minha Casa Minha Vida já não é novidade para ninguém, afinal, ele já beneficiou muitas famílias através da habitação urbana e rural. Resultado de uma parceria do Governo Federal com a instituição financeira Caixa Econômica Federal, ele busca oferecer uma moradia mais digna a um custo mais baixo, destinado principalmente a famílias brasileiras que se encontram em situação de baixa renda.

Cheio de benefícios e vantagens, o programa Minha Casa Minha Vida ainda pode ser utilizado por muita gente. Então, se você ainda não como utilizar os recursos do programa ou se se encaixa nos requisitos, confira um pouco sobre o funcionamento e realize o sonho de comprar a sua casa própria.

Minha Casa Minha Vida

Como o nome já diz, esse programa é destinado para a modalidade habitacional e oferece muitas condições atrativas para o financiamento de imóveis em algumas categoriais diferenciadas. Dividido em faixas de renda, ele tem como intuito beneficiar, principalmente, as famílias pobres ou que se encontram em extrema pobreza, mas também pode ser utilizado por outras classes brasileiras.

Uma das vantagens do Minha Casa Minha Vida é garantir uma menor taxa de juros quando comparada ao mercado em relação a financiamentos feitos, além de poder garantir o seu imóvel em área urbana ou rural, com vantagens que dependem de sua renda declarada.

Simulador Minha Casa Minha Vida

Para ter número exato sobre o seu financiamento e antes ir até uma agência da Caixa Econômica Federal, você tem a possibilidade de fazer uma simulação. Você só precisa acessar o site da instituição financeira através desse link e inserir todos os dados solicitados – não sendo necessário passar as informações exatas. Siga cada passo da etapa e a simulação aparecerá em sua tela em poucos minutos.

Inscrições Minha Casa Minha Vida

Para se inscrever no programa Minha Casa Minha Vida você deve escolher uma das duas formas disponibilizadas. Todas as famílias que fizerem parte da Faixa 1 (para habitação urbana) ou Grupo 1 (para habitação rural) devem procurar a prefeitura da cidade ou a entidade organizadora responsável para se candidatar e terem a chance de participar do sorteio.

No caso das outras faixas ou grupos, só é necessário procurar uma entidade organizadora em sua cidade ou entregar diretamente a documentação abaixo em uma agência da Caixa Econômica Federal mais próxima ou em um Correspondente Caixa Aqui.

Minha Casa Minha Vida documentos necessários

Os documentos que podem ser solicitados para o programa Minha Casa Minha Vida são:

– Documento de Identidade (RG);

– Cadastro de Pessoa Física (CPF);

– Certidão de Casamento ou de Nascimento;

– Comprovante de Renda.

Também pode existir algum tipo de exigência mais específica, então, vale ficar de olho ou perguntar diretamente para o gerente se existe algum tipo de documentação extra que você precisará apresentar no momento da negociação.

Renda exigida Minha Casa Minha Vida

Habitação Urbana:

– Faixa 1: Famílias com renda de até R$ 1.800 reais mensais;

– Faixa 1,5: Famílias com renda de até R$ 2,600 reais mensais;

– Faixa 2: Famílias com renda de até R$ 4 mil reais mensais;

– Faixa 3: Famílias com renda de até R$ 7 mil reais mensais.

Habitação Rural:

– Grupo I: Famílias com renda de até R$ 17 mil reais anuais;

– Grupo II: Famílias com renda de R$ 17.000,01 a R$ 33 mil reais anuais;

– Grupo III: Famílias com renda de R$ 33.000,01 a R$ 78 mil reais anuais.

O programa Minha Casa Minha Vida já facilitou a vida de muitas famílias na hora de comprar a casa própria, então, não deixe de realizar o seu sonho. Se encaixa nos requisitos? Procure uma agência da Caixa, uma entidade organizadora ou acesse http://www.caixa.gov.br/voce/habitacao/minha-casa-minha-vida/Paginas/default.aspx.